“Roda de Fogo”: Trilha sonora com canções inesquecíveis

A trilha sonora de “Roda de Fogo” contou com muitos sucessos e se eternizou algumas canções como a música de abertura cantada por Marina Lima, “Pra Comecar”. Saiba mais sobre essa trilha que inclui Ritchie, Simone, Djavan, Capital Inicial, Simply Red e até versão em italiano de uma música do Roberto Carlos.

Ouça aqui a trilha sonora nacional e internacional de “Roda de Fogo”

RODA DE FOGO NACIONAL

Grandes sucessos da música brasileira, lembrados até hoje, estiveram presentes na trilha nacional de Roda de Fogo. O destaque, sem dúvida alguma, vai para duas canções. “Você”, música de Tim Maia recebia uma gravação em ritmo de reggae da banda Os Paralamas do Sucesso e “Pra Começar”, música de abertura da novela, marcava uma nova fase na carreira da cantora Marina Lima (ainda apenas Marina naquela época).

Como o rock nacional estava em seu auge, mais duas bandas além dos Paralamas comporam  a trilha. A paulistana Rádio Táxi, banda que flertava mais com o New Wave e que já havia feito bastante sucesso com a canção Eva, apareceu na trilha com “Você se Esconde”, tema do jovem Pedro (Felipe Camargo), o principal mocinho da história e o Capital Inicial fecha o LP com “Música Urbana”, um tema de locação que se garante pelo arranjo bem dançante e quatro compositores, entre eles, Renato Russo (Legião Urbana).

Os temas românticos também merecem atenção. Ritchie vinha do estrondoso sucesso de “Menina Veneno” e já havia emplacado algumas canções em novelas como  “Só Pra o Vento”, tema da protagonista de “A Gata Comeu”, um ano antes e a abertura da novela Champagne (1983). Em Roda de Fogo, Ritchie emplacou uma canção digna de Lado B. A romântica “Transas”, tema de Lúcia Brandão (Bruna Lombardi), se tornou um grande sucesso à exemplo das outras canções do cantor inglês.

Rosana, um ano antes de ser imortalizada com “O Amor e o Poder”, que só seria lançada no ano seguinte, integra a trilha com “Nem um Toque”, também um grande sucesso composto por Michael Sullivan e Paulo Massadas, a dupla de ouro das canções-chiclete dos anos 80. Simone abre o LP com “Em Flor”, uma versão de Ronaldo Bastos para a música “Too Young”, uma belíssima canção gravada na década de 50 por Nat King Cole. A música casou com perfeição para a sofrida Maura, personagem de Eva Wilma, que havia sido presa e torturada pela ditadura militar nos anos de chumbo.

Mestre Marçal, ex-diretor da Portela e diretor de bateria também abrilhantava a trilha com o delicioso samba Facho de Esperança. Já Wando e Djavan também estavam na trilha, porém com canções menos famosas e Kiko Zambianchi emplacou “Alguém”, tema que deve mais ao personagem Tabaco de Osmar Prado.

 

RODA DE FOGO INTERNACIONAL

Bruna Lombardi, caracterizada de Lúcia Brandão, figurava a capa do LP Internacional da novela. É curioso notar que poucas músicas lembram algum personagem da novela, mas vale destaque por algumas faixas.

O LP era aberto por Michael McDonald, cantor de R&B, dando o tom do que seria o conjunto de faixas de Roda de Fogo Internacional: músicas dançantes recheadas com algumas canções românticas.

Mas vale destacar a presença do Genesis, com Phil Collins e de Peter Gabriel (ex-Genesis) que alcançava seu maior período de popularidade com o álbum “So” e com a canção Sledgehammer que pegou carona no sucesso de uma série americana com mesmo nome (no Brasil veio como “Na Mira do Tira” e foi exibida na Rede Globo).

Simply Red lançava seu primeiro álbum e mostrou ao longo dos anos que tinha fôlego. A canção “Holding Back The Years” é uma belíssima balada.

O italiano Peppino di Capri, uma espécie de Roberto Carlos napolitano, gravou uma versão belíssima de Outra Vez, composição de Isolda imortalizada na voz do Rei. A música repetia a sensibilidade de “Em Flor”, como tema de Maura, a sofredora ainda apaixonada por Renato Villar.

A banda progressiva Dire Straits chegava aos 10 anos de carreira com a música que se tornaria um verdadeiro hit: Why Worry. A canção era tema do casal Pedro e Ana Maria (Isabela Garcia) e Mike Francis, outro italiano de menor expressão, embalava o romance de Lúcia Brandão e Renato Villar com sua canção “You Can’t Get Out of My Heart”.

Entre os sucessos mais comerciais, outras bandas recheavam a trilha. New Edition, uma boy band que mais lembra as canções românticas dos Jacksons Five esteve presente e Heart com uma música hard rock que chegou a ser tema de comercial dos cigarros Hollywood.

A mistura do LP internacional, no entanto, é bastante harmônica e canções bonitas, embora nem todas sejam ainda lembradas, garantiram uma boa trilha e um relativo sucesso de vendas, tanto que até no cenário da casa de Rose, personagem de Gloria Menezes em “Brega & Chique” (1987), era possível encontrar o Lp.

 

8 thoughts on ““Roda de Fogo”: Trilha sonora com canções inesquecíveis

  1. Eu queria saber se no capitulo final desta novela não toca uma musica que me aparece ser africana um cantico, na cena que o renato morre na praia, meu cunhado tinha o disco mas essa musica não aparecia na discografia, não sei cantar nenhum pedacinho mas ela não sai da minha cabeça.
    Se puder me ajudar ficarei agradecida.

    • Olá Joelma. É bem possível. O Renato e a Lúcia vão viver no meio de uma tribo no último capítulo. Ela chega a dar à luz de cócoras! Vamos pesquisar a canção e se conseguirmos algum sucesso, lhe avisaremos! Abraços!

  2. Puxando pela minha memória afetiva, já que nem cheguei a pesquisar sobre o último capítulo no You Tube, eu me lembro da canção, creio que trata-se HOMELESS do Paul Simon, presente em seu álbum Graceland de 1986, com a participação do grupo vocal africano Ladysmith Black Mambazo. Na época da novela eu era criança mas como achei a música muito marcante, procurei por ela anos depois e consegui!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>