A bruxa anda solta nas novelas

halloweenthbE já que é Halloween, mesmo que o costumo seja próprio dos americanos lá de cima, o Tele Dossiê aproveita pra relembrar alguns personagens e histórias sobrenaturais que marcaram algumas de nossas novelas. Prepare seus apetrechos e patuás porque a viagem é sinistra. Leia mais

Qualquer semelhança com a realidade é pura ficção

Com a estreia da nova atração da Globo A Mulher do Prefeito”, protagonizada por Tony Ramos como Reinaldo Rangel, prefeito derrubado por acusação de desvio de verba, e Denise Fraga na pele de Aurora, esposa dele e nova prefeita da fictícia cidade de Pitanguá, o seriado traz de volta a política como tema central. Vamos relembrar outros políticos da nossa teledramaturgia, e junto com eles a visão e abordagem de cada autor diante do merchandising sócio-político inseparável a essa temática. Enquanto alguns políticos caíram logo no esquecimento, outros ainda fazem parte do imaginário popular. Leia mais

“Cair da escada”, nunca mais

“Um homem, ao menos, é livre; pode percorrer as paixões e os países, saltar obstáculos e gozar dos prazeres mais raros. Uma mulher anda continuamente rodeada de empecilhos. Inerte e ao mesmo tempo flexível, tem contra si as fraquezas da carne e as dependências da lei. A sua vontade, como o véu de um chapéu preso pelo cordão, flutua a todos os ventos; e há sempre algum desejo que arrasta e alguma conveniência que detém.” Assim pensava a respeito de seu sexo Emma Bovary, a madame eternizada pelo romance de Gustave Flaubert que causou celeuma ao ser publicado, em 1857. Leia mais

Realismo fantástico ou absurdo real?

Camas que incendeiam, mulheres que levitam enquanto dormem, formigas que saem pelo nariz. Alguns homens voam, ao passo que outros se transmutam em feras. É possível explodir de tanto comer? E uma emoção forte seria capaz de fazer um coração literalmente saltar pela boca? A resposta é sim ao se tratar do universo surrealista, que no caso da teledramaturgia tem como principais representantes nomes como Dias Gomes e Aguinaldo Silva. Leia mais

MEMÓRIA: Adriana Esteves e sua primeira protagonista

Não restam dúvidas de que 2012 foi o ano de Adriana Esteves. Sua interpretação como Carminha em “Avenida Brasil” será para sempre lembrada, e ainda estamos tendo a oportunidade de analisar novamente seu trabalho como Mariana na novela “Renascer”. Na semana passada, nosso site relembrou o mega sucesso “Pedra sobre Pedra” através de um dossiê sobre a novela. Então, que tal hoje, relembrarmos a expectativa do público e da atriz diante de sua primeira protagonista: Marina Batista? Leia mais

A trilha de um grande sucesso

Algumas trilhas ficam realmente na memória. “A Gata Comeu” (Ivani Ribeiro, 1985) por exemplo, tem uma trilha internacional inesquecível com Sade, Freddie Mercury, Jim Diamond, entre tantos outros. “Roque Santeiro” também teve uma trilha sonora nacional tão satisfatória que um volume 2 foi lançado e estabeleceu um padrão para novelas rurais, especialmente as de Aguinaldo Silva como “Tieta” (1990) “Fera Ferida” (1993) e “A Indomada” (1996) e “Pedra Sobre Pedra”Leia mais

“Pedra Sobre Pedra”: Um grande amor do passado se transforma em aversão

Quer uma fórmula de sucesso? Talvez ela não exista, mas a união de uma boa história com atores afinados pode ser uma boa pista. Depois de sua mais que bem sucedida adaptação de “Tieta” em 1990, Aguinaldo Silva retorna ao horário nobre com mais uma história que começou anos antes. A história de um amor que se transforma em ódio era o mote para “Pedra Sobre Pedra”, novela exibida em 1992 pela Rede Globo. Leia mais