Qualquer semelhança com a realidade é pura ficção

Com a estreia da nova atração da Globo A Mulher do Prefeito”, protagonizada por Tony Ramos como Reinaldo Rangel, prefeito derrubado por acusação de desvio de verba, e Denise Fraga na pele de Aurora, esposa dele e nova prefeita da fictícia cidade de Pitanguá, o seriado traz de volta a política como tema central. Vamos relembrar outros políticos da nossa teledramaturgia, e junto com eles a visão e abordagem de cada autor diante do merchandising sócio-político inseparável a essa temática. Enquanto alguns políticos caíram logo no esquecimento, outros ainda fazem parte do imaginário popular. Leia mais

Uma nova Saramandaia, tão apaixonante quanto a original

 “Saramandaia” chegou ao seu capítulo final na última sexta-feira(27/09) com sensação de dever cumprido. O remake de Ricardo Linhares segurou com firmeza a essência da obra de Dias Gomes e conseguiu fazer um retrato digno do atual cenário político do país. Claro que coincidências (Ou alinhamento dos planetas) colaboraram para dar mais densidade aos temas discutidos na terra dos saramandistas. Leia mais

Saramandistas de todos os tempos perguntam: o que é a verdadeira “Saramandaia”?

“Saramandaia” veio como aquela novela que mataria a saudadância do público de um bom e velho realismo fantastigante… Quer dizer, nem tão velho assim! Se você é como eu, ta quase perto dos 30 ou já passou um pouquinho dessa fase e não assistiu à primeira versão de “Saramandaia”, deve ter a mesma sensatividade que tenho… Leia mais

MEMÓRIA: A telenovela é a última trincheira

Nesta segunda-feira, após 37 anos de sua primeira exibição, “Saramandaia” voltou à TV num remake escrito por Ricardo Linhares com direção de Denise Saraceni. A novela estreia num momento-chave da política brasileira. A estreia de “Saramandaia”, originalmente escrita por Dias Gomes, coincide também com os 28 anos de estreia da segunda versão de “Roque Santeiro”, 24 de junho de 1985. A primeira versão foi proibida em 1975 e nesta ocasião, o autor escreveu um texto falando sobre a telenovela como arma de destruição de massa da ditadura. O Tele Dossiê resgatou esta matéria. Entre no universo de São Dias, o homem que viveu para defender o seu canto.  Leia mais

“Fantasticistas Juramentados”: A crítica da estreia de “Saramandaia”

Na última segunda-feira a Rede Globo apresentou o primeiro capítulo de sua nova novela das onze: “Saramandaia”. Escrita por Ricardo Linhares tendo como base o original de Dias Gomes, exibido pela própria emissora em 1976, “Saramandaia” mantém a linha dos remakes de grandes sucessos do passado, já uma característica da nova faixa. Leia mais

Vem aí: “Saramandaia”

Já está chegando a hora! A partir do dia 24 de junho todo o Brasil começará a acompanhar novamente a trama de uma das novelas mais emblemáticas da televisão brasileira: “Saramandaia”. A nova versão, que terá a assinatura de Ricardo Linhares e será exibida no já quase tradicional horário das 23h, é livremente inspirada na obra original de Dias Gomes e discutirá a resistência que o ser humano tem ao novo, ao diferente, e traz de volta o realismo fantástico à teledramaturgia. Leia mais

10 Mais: Finais de personagens

Quando uma novela começa, muitas vezes não imaginamos o que os autores estão nos preparando. No final, muitas vezes nos surpreendemos com o desfecho escolhido e alguns se tornam antológicos. Como esquecer a banana de Marco Aurélio no final de “Vale Tudo”, a morte de Carlão (Francisco Cuoco) com uma mala de dinheiro que voa pelas obras do metrô ou ainda a polêmica de com quem Porcina ficaria no final de “Roque Santeiro”. Para encerrar este dossiê especial, nada melhor que relembrar os dez finais mais marcantes, na opinião de nossos colunistas. Leia mais

10 Mais: Cidade Fictícia

Existem algumas cidades fictícias na vasta teledramaturgia brasileira que entraram de vez no imaginário do público. O cuidado de algumas produções com os detalhes estéticos, com a cenografia, com a recriação da região retratada, era tão grande que ficava difícil saber se aquela cidade existia de fato, ou não. Pois que noveleiro duvida que Santana do Agreste realmente exista na Bahía? Bem próxima à Tubiacanga. Ou que Ventura seja uma das maiores exportadoras de chocolate do nosso país? Hoje descubra as dez cidades fictícias mais inesquecíveis segundo os nossos colaboradores. Leia mais